Britânica pode ter perdido prêmio de R$ 195 milhões na loteria por ter lavado bilhete

segunda-feira, fevereiro 01, 2016 Clovisnáilton

Uma britânica pode ter perdido a chance de ganhar aproximadamente R$ 390 milhões como prêmio da loteria nacional. Isso porque ela teria esquecido o suposto bilhete premiado no bolso de uma calça que foi lavada. A história circula nos jornais europeus desde a semana passada, mas nesta quarta-feira o jornal Mirror teve acesso ao bilhete que, supostamente, era o premiado.

Foto: Reprodução /
Susanne Hinte, 48 anos, alega ter comprado o bilhete em uma lotérica de Worcester. No entanto, há quem duvide da veracidade da história, visto que apesar de os números sorteados (26, 27, 46, 47, 52 e 58) estarem corretos, o papel está bastante avariado — o que impossibilita a identificação do código de barra e a data da impressão do bilhete.
O sorteio foi realizado pela loteria nacional do Reino Unido no dia 9 de janeiro, com o prêmio recorde de 66 milhões de libras (cerca de R$ 390 milhões) e teve dois ganhadores. Um casal de escoceses David e Carol Martin já retiraram a sua metade do prêmio, mas o outro vencedor não apareceu nas duas primeiras semanas após a divulgação dos números.

Susanne Hinte, 48 anos, diz ter acertado os números do maior prêmio da loteria britânicaFoto: Twitter / Reprodução
Isso obrigou a empresa organizadora do sorteio a divulgar a localidade onde o bilhete foi comprado. Eis que foi em Worcester, mesmo local onde Susanne afirma tê-lo comprado.
Agora, ela aguarda a decisão da loteria nacional para saber se receberá o dinheiro ou não. Caso ela não seja considerada vencedora, o resgate do prêmio deve ser feito até o dia 7 de julho.

Vou pedir aumento, não aguento mais esta vida de assalariado!!!

segunda-feira, fevereiro 01, 2016 Clovisnáilton


Sabe o que é viver 365 dias do ano sem dinheiro? Eu sei muito bem como é! Aqui no supermercado do Seu Barbosa a gente recebe o salário da categoria, que é pouco, e nada mais. E, gente, quando chega janeiro, com as contas todas para pagar, para ajudar lá em casa com o IPTU, com as despesas das mais variadas possíveis, a gente se dá conta que o salário da categoria não é suficiente.

Na semana que passou eu fiquei olhando a internet para, quem sabe, achar um outro emprego e, também, tentar achar um curso para poder fazer, para melhorar o currículo ou, quem sabe, fazer um concurso público para melhorar de vida. 

Me inscrevi em algumas oportunidades de emprego, mas da maioria das vezes não tenho o perfil solicitado (inglês fluente, por exemplo). Cara, não tenho nem inglês, quanto mais fluente.

Mas a gente é brasileiro, e nunca desistimos. Olhei alguns cursos... mas não tenho grana para pagar, ainda mais agora, neste início de mês, tô quebradaço! E então, qual a opção? Arrumar outro emprego à noite? Sério que pensei nisso? Bem que poderia arrumar um emprego noturno de garçom, mas aí no outro dia eu não seria ninguém. Vigia? Qualé... preciso dormir para encarar o Supermercado do Seu Barbosa rindo e feliz. Ou seja, outro emprego, noturno, é fora de questão. Certo seria arrumar, sim, um curso para fazer... 

Mas enquanto isso, ficaria na mesma situação, assalariadamente falando? NÃO!! Não aguento mais, minha gente. Numa boa, eu já estou até perdendo a fé no jogo da Mega-Sena, acredita? Eu antes separava uma quantia para fazer a fezinha... a coisa apertou, diminuí o valor e diminuí os jogos. Só que agora estou no JOGO ÚNICO, é R$ 3,50 por concurso e olhe lá porque não tem como diminuir. E, sabemos, que se a coisa é difícil para quem faz um jogo com 10 dezenas, imagine para quem faz um só!!

Por isso tomei uma decisão hoje: chegaria no serviço e falaria com o Seu Barbosa que eu queria um aumento salarial. Afinal, eu sou velho de casa, conheço tudo quanto é rotina daqui do supermercado, descarrego materiais, faço os borderôs, confiro quantidade, dou baixa na saída do estoque para o salão, confiro notas fiscais, confiro peso, faço a reposição no salão, faço uma faxina no piso da loja, faço serviço de banco, sei manusear os caixas e, por fim, entendo um pouco da contabilidade daqui. Porra, EU MEREÇO UM AUMENTO, CARALHO!! Sim, esta seria a expressão correta para pedir meu aumento salarial. Qualquer R$ 100 já dava para dar uma melhoradinha na minha condição social, de 100% fudido para 99,99% lascado... já era uma melhora! 

Pois bem... cheguei, bati ponto, fui ao vestiário e coloquei o uniforme. Segui, confiante, para a sala do Seu Barbosa, meu gerente, melhor gerente que já tive nesta minha vida, entrei e vi o Carlos, açougueiro, conversando com o Barbosa justamente para aumentar o salário dele.

- Então, Carlos, não temos como aumentar seu salário... e, se não está contente aqui, pode pedir para ser mandado embora, que no outro dia você pode já ficar em casa...

O Carlos já estava puto com o emprego e mandou o Seu Barbosa se fuder, baixinho. Eu ouvi. Virou as costas e foi desossar os bois. 

- Que você quer, Clovisnáilton?
- Só queria saber se tem serviço de banco hoje...

Emprego: RUIM COM ELE, PIOR SEM ELE!!

Tomar no cú, viu? 

Resultado Mega-Sena 1785

segunda-feira, fevereiro 01, 2016 Clovisnáilton

  • 05
  • 11
  • 27
  • 41
  • 42
  • 54

Histórias, reais ou não, de quem ganhou na Loteria

sexta-feira, janeiro 29, 2016 Clovisnáilton

Sabe fila de casa lotérica? Sabe as conversas entre pessoas que nunca se viram, nunca se verão novamente? Sabe... sempre alguém tem um conhecido que conhece outra pessoa que já beliscou um prêmio. Eu, nestas minhas longas horas gastas para fazer minha fezinha, quase que diária, já ouvi muitas, muitas histórias.

Os personagens, assim como o locutor, nunca vi, nunca ouvi falar... mas, em muitos casos, a história é boa!

Agora, te pergunto: será verdade?

Apostadores fazem fila em lotérica na rua Boa Vista, em SP por Mega-Sena da Virada

Senhor Modesto, contabilista.

"Nunca havia jogado em nenhuma loteria... e, quando joguei, ganhei. Mas os fatos que me fizeram fazer esta aposta - que mudou minha vida para melhor - que foram bastante tristes. Eu era casado, esposa muito, muito ciumenta, e com ela tive uma filha. Na década de 80 meu casamento ruiu. Uma crise de ciúmes da minha esposa pôs fim no nosso relacionamento. Saí de casa, fui morar numa pequena pensão. Da minha antiga casa, levei somente a roupa do corpo. Trabalhava numa contabilidade de manhã, à noite ia para um curso e chegava na pensão, morto de fome, e fazia minha refeição num fogão de duas bocas, aqueles com um bujãozinho. A minha ex-mulher entrou na justiça e requereu pensão alimentícia, que nunca deixei de dar. Só que o valor da pensão, juntamente com as contas da casa que era minha - eu pagava água, energia, fazia compras e pagava os impostos - juntamente com os valores para que eu conseguisse sobreviver eram mais, muito mais que o meu salário de contabilista, e eu vivia endividado, pegando dinheiro com os colegas, pagando juros, tudo para tentar me reerguer. Um belo dia, final de tarde, ouvi um colega comentando que a Loto estava acumulada em muitos milhões de cruzeiros. Lembro que havia algumas moedas na minha carteira e, com elas, me dirigi para a casa lotérica perto do serviço e fiz uma aposta, simples. Voltei aos meus afazeres, voltei à minha aula no turno da noite, voltei para minha pensão, voltei à rotina. Passados alguns dias, ouvi, agora na rua, que na lotérica que eu havia feito o jogo, fora sorteado um único ganhador para a Loto, aquela que joguei. Cheguei no trabalho e, novamente, os colegas tocaram no assunto, dizendo que havia uma faixa estendida em frente ao estabelecimento, dizendo que ali fora feito o jogo que um único felizardo levou uma bolada inacreditável, para a época. Na hora do almoço, fui nesta mesma lotérica e vi que eu havia sido contemplado com o prêmio. Não, não há como relatar aqui a minha emoção: o coração saltou à boca, a pulsação, o ataque de tremedeira, um misto de choro, lágrimas, sorrisos, a vontade de gritar... tudo isso, em segundos. Retirei o dinheiro, guardei-o na caderneta de poupança. Com uma parte, deixei com minha irmã, única parente que tinha, para que reformasse sua casa e desse estudos para os meus sobrinhos. Com a minha, adquiri imóveis, montei negócio, mudei, logicamente, da pensão, me presenteei com um Passat do ano, viajei bastante e fui tocando a vida". 

(sobre o texto: o nome do ganhador é fictício, personagens fictícios, história... bem, fictícia também... eu acho!!)

Resultado Mega-Sena 1784

sexta-feira, janeiro 29, 2016 Clovisnáilton

  • 04
  • 15
  • 26
  • 30
  • 54
  • 55

Resultado Mega-Sena 1783

sexta-feira, janeiro 29, 2016 Clovisnáilton

  • 04
  • 06
  • 16
  • 18
  • 21
  • 38

Resultado Mega-Sena 1782

sexta-feira, janeiro 29, 2016 Clovisnáilton

  • 06
  • 18
  • 34
  • 47
  • 52
  • 57

Confraria dos Trouxas

quarta-feira, janeiro 20, 2016 Clovisnáilton


Me chamaram, pela segunda vez, para participar com um texto lá na Confraria dos Trouxas e eu, como sou muito adepto deste esporte feito com a ponta dos dedos e com 1% (ou menos) do cérebro, topei.


E seja o que Deus quiser, pela segunda vez!

PS.: quando eu ganhar na Mega-Sena, vou pegar todos os escritos e pagar para editar e mandar para uma editora, para fazer um livro... ou dois!

Resultado Mega-Sena 1781

quarta-feira, janeiro 20, 2016 Clovisnáilton

  • 01
  • 08
  • 22
  • 49
  • 52
  • 53

Resultado Mega-Sena 1780

quarta-feira, janeiro 20, 2016 Clovisnáilton

  • 06
  • 20
  • 22
  • 31
  • 33
  • 34

Resultado Mega-Sena 1779

quarta-feira, janeiro 20, 2016 Clovisnáilton

  • 12
  • 25
  • 30
  • 39
  • 56
  • 57

Pegadinha na loteria POWERBALL

quarta-feira, janeiro 13, 2016 Clovisnáilton

Sério, não tem como não ser pegadinha. Aposto que um dos caras, por dentro, estava rachando de rir...



Funcionários se confundem e pensam ter faturado prêmio de R$ 3,8 bilhões na loteria







Funcionários de um restaurante em Nova Jersey, nos Estados Unidos, pularam e comemoram o fato de estarem milionários ao faturarem um prêmio de R$ 3,8 bilhões. Mas a alegria durou apenas 20 minutos, tempo que levou para que eles percebessem que o site com o resultado da Powerball, a loteria norte-americana, estava desatualizado. Vídeos publicados pelo restaurante no YouTube mostram o momento de felicidade dos funcionários.
“Foi como levar um murro no estômago”, disse Charles Poveromo, de 55 anos, que trabalha como garçom há 13 no restaurante Grissini, ao jornal “NY Post”. No bolão feito pela equipe, 42 funcionários compraram 210 dólares (R$ 840) em bilhetes. No sábado, um amigo mandou uma mensagem com os números mais recentes sorteados pelo Powerball, mas ele não percebeu que o site não tinha sido atualizado e ainda mostrava o resultado do sorteio de quarta-feira.
A comemoração chegou ao fim quando eles perceberam que tinham equivocadamente comparado os números vencedores de quarta-feira aos do bilhete de sábado. “Todos os números batiam com os nossos bilhetes. Houve tanta alegria... eu não posso colocar em palavras os sentimentos de euforia que todos nós sentimos”, contou Poveromo.


Os funcionários do restaurante comemoram o prêmio da loteria
Os funcionários do restaurante comemoram o prêmio da loteria Foto: Reprodução do Youtube



Os funcionários comemoraram por 20 minutos até descobrirem a confusão
Os funcionários comemoraram por 20 minutos até descobrirem a confusão Foto:


POWERBALL: US$ 1.3 BILLIONS

quarta-feira, janeiro 13, 2016 Clovisnáilton

A loteria Powerball, presente em grande parte dos estados americanos, sorteia nesta quarta-feira (13) o maior prêmio de sua história: US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 6 bilhões). O valor aumentou bastante nos últimos dias após milhares de americanos comprarem bilhetes.
O jogo está disponível em 44 estados dos EUA, em Washington D.C. e em dois territórios norte-americanos. O último ganhador da Powerball saiu em novembro – desde então, o prêmio está acumulado.
Se o prêmio sair, o ganhador tem duas opções: receber o dinheiro imediatamente (neste caso, um pagamento de US$ 930 milhões) ou ter pagamentos anuais por 29 anos, chegando ao valor total.
Segundo oficiais da loteria norte-americana, o valor do prêmio ainda pode subir caso haja uma busca de última hora por bilhetes.
Centenas de pessoas fazem fila para comprar os bilhetes para concorrer ao maior prêmio da história da loteria norte-americana na Califórnia, estado mais populoso dos EUA (Foto: Gene Blevins/Reuters)Centenas de pessoas fazem fila para comprar os bilhetes para concorrer ao maior prêmio da história da loteria norte-americana na Califórnia, estado mais populoso dos EUA (Foto: Gene Blevins/Reuters)
Como funciona
Os jogadores devem escolher cinco números entre 1 e 69, que na hora do sorteio aparecerão em bolas brancas. O sexto número, a Powerball, aparece em uma bola vermelha, e vai de 1 e 26.
Estatísticos dizem que a chance de ganhar na Powerball é de uma em 292 milhões.
Jeffrey Miecznikowski, professor de bioestatística na Universidade de Buffalo, disse que  um americano é cerca de 25 vezes mais propenso a se tornar o próximo presidente dos Estados Unidos do que ganhar no Powerball.
O sorteio é duas vezes por semana, às quartas e sábados. É frequente que o jogo acumule, mas isso nunca ocorreu por tanto tempo – não houve nenhum ganhador desde novembro de 2015.
Números sorteados da loteria norte-americana são mostrados  (Foto: Philip Sears/Reuters)Números sorteados da loteria norte-americana são mostrados (Foto: Philip Sears/Reuters)


FONTE: G1

O que você faria se ganhasse US$ 1.3 bilhão?

segunda-feira, janeiro 11, 2016 Clovisnáilton



Vi esta reportagem (http://www.wbir.com/news/13-billion-what-you-cant-buy/12910017) e já tratei de conseguir alguém lá nos EUA para fazer uma fezinha para mim.

Ah, se eu ganho...